Linuxdoc Linux Questions
Click here to ask our community of linux experts!
Custom Search
Custom Search
Custom Search
Next Previous Contents

7. Ficheiros necessários

Atenção! Os mapas de teclado para o X fornecidos mapeiam a função das teclas segundo a lista a seguir:

Se o seu teclado não possuir as teclas para Windows 95 então pode ser melhor restabelecer a distribuição padrão: edite o mapa e coloque um ponto de exclamação no início das linhas que definem os keycodes 64, 113, 115, 116 e 117.

Foram elaborados mapas com suporte à acentuação para seis modelos de teclado, tanto para uso no console quanto para o X. Eles podem ser obtidos via WWW em um dos repositórios da página do Portuguese HOWTO:

Ao instalar um dos mapas fornecidos, lembre-se de ler os comentários contidos neles, pois há informações importantes sobre opções de configuração e aproveitamento das teclas adicionais dos teclados padrão Windows 95. As instruções para instalação estão nas seções Configuração do console e Configuração do X.

O mapa US+ (us+.map e Xmodmap.us+)

Mapas para os teclados que seguem o padrão americano. Como não existem teclas especiais para gerar o c-cedilhado nem o trema, foi usado um pequeno truque: o c-cedilhado é gerado pela seqüência 'C. No console pode-se fazê-lo com a seqüência AltGR-C. O trema é gerado pela tecla ". Para gerar as aspas duplas é necessário digitar a seqüência "<espaço> e no console pode-se usar ""; opcionalmente pode-se usar AltGR-", o que não é uma solução muito confortável, mas funciona...

Testados com teclados de várias marcas (e alguns sem marca :-).

O mapa Portugal (pt.map e Xmodmap.pt)

Mapas para teclados com desenho português. Esses teclados são os que possuem uma tecla com os caracteres « e ». Não são muito confortáveis, porque para gerar o símbolos @ [ ] { } e o trema é necessário usar a tecla Alt-GR.

Testado com um teclado da marca Key Tronic.

O mapa ABNT-2 (abnt-2.map e Xmodmap.abnt2)

Os computadores vendidos no Brasil fabricados pela IBM, Compaq e Itautec, entre outros, vêm com esses teclados. Eles também pode ser adquiridos avulsos e são fabricados pela UIS e Keytec (não confundir com Key Tronic). Este desenho é o mais confortável de todos, pois tem a mesma distribuição dos acentos encontrada nas máquinas de escrever.

Testado com teclados das marcas UIS e IBM.

Sun Type 4 e Type 5 (Xmodmap.Sun4+ e Xmodmap.Sun5c+)

Encontrados nas máquinas fabricadas pela Sun. Estes mapas foram testados em SPARCstations modelos 1, 4, IPC e Classic rodando SunOS 4.1, Solaris 2.5.1 e Linux 2.0.33 (Red Hat 4.2). Como esses teclados não possuem o c-cedilhado, foi usado o mesmo truque do mapa US+. Apenas o mapa para o X é fornecido.

NCD+ (Xmodmap.NCD+)

Este mapa é para o teclado modelo N107 e foi testado em terminais X modelo 16r fabricados pela Network Computing Devices Inc. (NCD). Embora a distribuição de teclas seja idêntica à do Sun Type 4, os keycodes das teclas são diferentes. Esses teclados também não possuem o c-cedilhado, por isso foi usado o mesmo truque do mapa US+. Apenas o mapa para o X é fornecido.

A geração dos caracteres acentuados é feita de acordo com a tabela a seguir:

    Para gerar              Digitar
    -------------------------------------------------
    ç                       'c ou compose-,-c
    á é í ó ú               'a 'e 'i 'o 'u
    à è ì ò ù               `a `e `i `o `u
    ã õ                     ~a ~o
    â ê î ô û               ^a ^e ^i ^o ^u
    ä ë ï ö ü               "a "e "i "o "u
    " (aspas)               "" ou AltGR-" no mapa US+
    ¨ (trema)               "-espaço
    ' (apóstrofo)           '' ou AltGR-' no mapa US+
    ` (grave)               `` ou AltGR-` no mapa US+
    ®                       compose-O-R
    ©                       compose-O-C
    -------------------------------------------------

Next Previous Contents